Publicado em Uncategorized

Trac

Decididamente a ferramenta escrita em Python chamada Trac é uma de minhas preferidas. Usada para auxiliar no acompanhamento de projetos de desenvolvimento de software, bem como na construção de documentação ágil e acessível, ela vem melhorando a cada versão disponibilizada.

O Trac na verdade é um wiki melhorado porém de uso simples. O wiki é usado criar páginas rapidamente, utilizando-se para isso de uma linguagem de marcação bem mais acessível e ágil que o HTML. Outra ferramenta é o Browser, um mecanismo para interagir com repositórios do Subversion. Assim é possível visualizar o código-fonte de cada release. Podemos de qualquer ponto do projeto Trac criar hiperlinks para esses código-fontes, assim criando associações importantes para a aplicação do conhecimento do projeto de desenvolvimento.

O Trac possui também os Tickets, um simples e interessante sistema para acompanhamento de atividades no projeto. Por ele podemos anotar tarefas a realizar, reportar bugs encontrados, requisitar melhoramentos de alguma parte do projeto, enfatizar por uma documentação que está desatualizada, etc. Um ticket ao longo de sua vida por receber atualizações de estado ou comentários sobre a situação atual do motivo do mesmo, seja por parte de quem criou o ticket, de quem deverá fechá-lo ou outros usuários autorizados a fazerem.

Projetos open-source são os que mais utilizam o Trac para organizar o desenvolvimento em equipe e receber avisos de bugs. A documentação por vezes está lá também. Exemplos de projetos que usam o Trac:

Esses foram somente os que quis colocar diante da numerosa quantidade de links para projetos que encontrei.

Uma vez que o Trac se propõe a não ser muito invasivo nas políticas e processos de desenvolvimento de uma equipe é facilmente adaptável a diversas delas. Cito alguns pontos importantes que fazem o Trac ser uma boa escolha e que justificam provê-lo no local onde trabalho:

  1. Apoiar a informação. Muitas vezes uma empresa ou setor de informática não tem um modo fácil de recuperar informações sobre os diversos projetos, procedimentos, checklists, atividades e funções. Por meio do wiki do Trac isso seria possível de forma ágil.
  2. Documentar scripts, rotinas e checklists. Uma equipe de administração de banco de dados ao longo do tempo começa a se perder no gigantesco número de tarefas e rotinas que estão documentadas mais separadas em um ou mais computadores. Buscar o que precisamos é trabalhoso e quando não achamos documentamos novamente.
  3. Informar Bugs. Educar os usuários a emitirem problemas pelo Trac ao invés de e-mails, torna a informação disponível para um número maior de pessoas e seus resultados também.
  4. Documentação. O que falam que é importante mais ninguém quer fazer. Usando o mecanismo de wiki do Trac é muito mais fácil e ágil escrever uma documentação. É possível criar hiperlinks e páginas rapidamente ocasionando diversas associações entre código-fonte, tickets de bugs, tickets de tarefas, outras páginas, etc. Sendo que um Trac é essencialmente colaborativo, todos participam.
  5. Acompanhamento do Desenvolvimento. Usar tickets para anotar as tarefas relacionadas a uma versão em desenvolvimento torna o acompanhamento muito mais ágil. O Trac divide essas tarefas em milestones e versões, sendo possível criar relatórios sobre quem estar desenvolvendo a cada momento.
  6. FAQ. Uma lista de respostas para perguntas mais freqüentes é uma ótima idéia quando nos vemos numa situação onde a pessoa mais adequada a tirar a dúvida não está na empresa no momento. Com Trac os desenvolvedores, pessoal de suporte e gerentes podem escrever na FAQ tudo o que sempre perguntam aos experts do pedaço. Assim, menos tempo é gasto respondendo novamente. Basta citar que a FAQ já tem a resposta para a pergunta. A pesquisa no Trac é muito ágil e direta.

Nos últimos meses o Trac sofreu profundas modificações em sua estrutura para tornar seus desenvolvimento mais ágil. Foi criado uma arquitetura de componentes que faz a extensibilidade do mesmo mais fácil usando a idéia de pontos de extensão surgida com o Setuptools (citado nos posts [1],[2] e [3]). Plugins para o Trac estão aparecendo em maior quantidade. A instalação dos plugins ficou prática com a adoção do formato de distribuição EGG.

Poderia continuar escrevendo por bastante tempo mas acho que isso já é suficiente para fazê-los pesquisar uma vez que o motivo do post é somente informar – também tem uma cerveja me esperando logo mais. Estamos esperando comentários! Bom final de semana a todos.

Anúncios

2 comentários em “Trac

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s